Por que o tema: O Médico do Trabalho como gestor de Saúde para ao Congresso APMT/2018?

Por que o tema: O Médico do Trabalho como gestor de Saúde para ao Congresso APMT/2018?

Quem responde é o Dr. José Roberto Teixeira, Diretor Científico da APMT e Coordenador da Comissão Organizadora do Congresso APMT/2018.

O tema procura atender um interesse cada vez maior do Médico do Trabalho em adquirir conhecimentos e técnicas que propiciem a ele melhores condições de avaliar a saúde do conjunto de trabalhadores que estão sob os seus cuidados.

A percepção desse interesse refletiu-se claramente quando da realização de pesquisa feita pela APMT em 2017, onde esse tema foi citado como sendo o de maior relevância para ser abordado no Congresso.

A medicina do trabalho, quando exercida em sua plenitude, é detentora de todos os elementos necessários para que se invista na contínua melhoria no controle de saúde dos trabalhadores.

Sua prática permite auferir uma grande quantidade de informações relativas à coletividade de trabalhadores e o Médico do Trabalho percebe a importância de, cada vez mais, deter e utilizar esse conhecimento.

Para tanto, é necessário que tenha o domínio de técnicas de coleta e tratamento de dados, utilizando instrumentos adequados para interpretação desse material, de tal sorte que essa massa de informações possa reverter em implementação de medidas de controle para a promoção da saúde e de prevenção de doenças.

Ao mesmo tempo, é necessário que o Médico do trabalho se aproprie de conceitos que permitam a avaliação de eficácia e eficiência das ações implementadas.

Frente a essa demanda manifestada, a Comissão Organizadora se esforçou em estruturar o Congresso com temas que a atendesse.

Para tanto elaborou uma programação com cursos pré-congresso, conferências, simpósios e talk shows, ministrados por colegas com reconhecidas experiências acadêmica e prática, sob uma estrutura pensada em permitir uma visão a mais abrangente possível, dentro de um modelo de encontro como o que está sendo concebido.

Não tenho dúvida em convidá-los a participar.

Um abraço e até lá.

Deixe uma resposta

Fechar Menu